Campo Belo: Acusado da morte do sargento da PM morre no CTI da Santa Casa

Foto: Arquivo Pessoal

O suspeito de participação na morte do 2º sargento da Polícia Militar, Rodrigo Sarto Lomonte de Oliveira, de 37 anos, morreu na tarde desta quarta-feira (20) na UTI da Santa Casa de Campo Belo (MG). Ele estava internado em estado grave após ter sido baleado na tarde de terça-feira (19) em Cristais. A cirurgia de Abner Santos, de 21 anos, terminou no fim da noite. Foi um procedimento delicado, havia atingido o tórax e o abdômen. Em seguida ele foi levado para a sala vermelha do P.A. e por volta das 12 horas encaminhado para a Unidade de Terapia intensiva do hospital.

Segundo a Polícia Militar, Abner Santos foi atingido em uma troca de tiros. Ele estava foragido desde o fim de semana. Ele seria quem estaria pilotando a motocicleta e o autor dos tiros que mataram o policial.

Ao ser encontrado nesta terça-feira (19) por policiais, ele pulou o muro de uma casa no bairro Monte Alegre, onde estava uma família, que conseguiu se esconder no banheiro.

Ainda conforme a polícia, o suspeito apontou uma arma para os militares e por isso foi baleado no abdômen e no tórax.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!